CNE admite irregularidades em Nampula

Paulo Cuinica, porta-voz da CNE

Em seguimento as denúncias feitas pelos principais partidos da oposição, Renamo e MDM, sobre irregularidades no processo para a eleiçao intercalar do edil de Nampula a 24 de Janeiro, a Comissão Nacional de Eleições admitiu na sexta-feira (12/01) erros técnicos nos cadernos eleitorais.

Paulo Cuinica, porta-voz da CNE, admitiu haver irregularidades nos cadernos eleitorais electrónicos entregues aos mandatários dos partidos políticos, ocorridos no acto da transferência dos dados do computador para os dispositivos entregues aos mandatários.

Paulo Cuinica garantiu, no entanto, que a correcção das irregularidades está a ser efectuada e que até hoje (15/01) os cadernos corrigidos serão entregues aos mandatários dos cinco candidatos para esta eleição.

Fonte: RFI

Comentários